4 dicas para aumentar a produtividade da sua equipe

Atualmente a grande preocupação no meio empresarial é com a baixa produtividade. Afinal, o mundo moderno pede agilidade nos processos, serviços de qualidade e pontualidade nos prazos. No entanto, a baixa produtividade não deve ser motivo para desespero. Mas sim, deve ser vista como um sinal de alerta de que algo está errado e de que mudanças rápidas precisam ocorrer.

Se esse é o caso da sua equipe, veja agora algumas dicas que contribuem para alavancar o desempenho da sua equipe, garantindo assim uma alta produtividade.

Cuide da organização e aumente a produtividade

O ambiente de trabalho é fator decisivo para um bom rendimento. Em um escritório de contabilidade, por exemplo, as pessoas passam a maior parte do tempo sentadas. Portanto, invista em móveis de qualidade. As cadeiras devem possuir regulagem, encosto para as costas e braços. Além disso, cuide da limpeza e organização do espaço.

Certifique-se de que as máquinas tenham bom desempenho

Computador lento e que trava a cada 5 minutos é um problema. Além de deixar o funcionário irritado, atrasa a demanda de trabalho. Invista em máquinas de acordo com a necessidade da empresa. Hoje o mercado oferece bons produtos com preços acessíveis. Basta pesquisar!

Use a tecnologia a seu favor

Controle do acesso à internet

Atualmente a internet é ferramenta fundamental para a rotina de trabalho. No entanto, as redes sociais, canais de vídeo, comunicadores instantâneos, jogos e a caixa de e-mail pessoal são um convite para a dispersão dos funcionários. Para que a internet trabalhe a seu favor, o ideal é instalar um sistema de tecnologia que possa controlar o acesso. Assim é possível restringir a navegação em determinadas páginas e reduzir o acesso a links perigosos. Outra facilidade é a configuração personalizada do nível de segurança. Vale ressaltar que somente os usuários cadastrados devem poder gerenciar a rede.

Mais produtividade com o uso de um sistema de tecnologia

Existem ferramentas que melhoram o desempenho e contribuem para a produtividade da empresa em geral. Os sistemas tecnológicos de gestão possuem um recurso que prioriza a velocidade da internet, possibilitando uma melhor performance dos aplicativos usados na rotina de trabalho. Além disso, simplifica os processos: se sua empresa tem filiais, por exemplo, é possível cadastrá-las em um mesmo painel, e os resultados podem ser mensurados através de relatórios consolidados e individuais.

O acesso dos dados pode ser feito fora da empresa, através de tablet ou smartphone. Com essa funcionalidade fica fácil acompanhar de perto a rotina de trabalho da equipe. O sistema disponibiliza ainda ranking dos sites mais visitados e realiza, inclusive, comparativos através de gráficos.

Tenha um bom relacionamento com os seus colaboradores

No universo de trabalho surgem sempre grandes amizades. No entanto, mesmo que a relação não se estenda para vida pessoal, é preciso manter um bom relacionamento. Fique atento às necessidades de cada funcionário, se ele precisa ir ao médico, facilite a liberação. Funcionário satisfeito e ciente da sua importância age com mais transparência e garante mais produtividade e resultados para a sua empresa.

 

E na sua equipe, como está o índice de produtividade? Você utiliza alguma ferramenta para aumentar a produtividade na sua empresa? Compartilhe conosco!

Controlar o acesso à internet nas empresas melhora a produtividade da equipe?

Você já passou pela situação de encaminhar projetos para os colaboradores realizar em um prazo específico e quando chega a data prevista, o projeto ainda não saiu do chão? O tempo parece nunca ser suficiente para a realização dos trabalhos? Se isso acontece na sua empresa, fique atento, a causa da baixa produtividade pode estar no desperdício de tempo na internet, com atividades pessoais dos seus colaboradores.

Existem muitas formas de distração na internet, se o seu colaborador costuma navegar em redes sociais, assistir vídeos, ouvir música ou acessar sites de entretenimento, é muito fácil desperdiçar horas de tempo de trabalho e consequentemente dos recursos da empresa. Infelizmente, essas distrações são muito atraentes e alguns profissionais acabam desperdiçando valiosas horas de trabalho na internet.

Com o objetivo de criar um perfil de utilização da internet nas empresas brasileiras, criamos o Relatório sobre o perfil de utilização da internet nas empresas (2016), onde analisamos os acessos durante todo ano de 2016 em 50 empresas e mais de 2.000 profissionais. O relatório mostra que praticamente 2 em cada 3 acessos são em sites sem nenhuma relação com as atividades profissionais.

Como a internet é uma ferramenta essencial no ambiente de trabalho atualmente, é importante que você gestor, saiba como agir quando o acesso à internet é realizado sem responsabilidade por parte do colaborador, que ultrapassa os limites estipulados pela empresa. Como a tecnologia e a quantidade de serviços disponíveis na internet não param de avançar, é necessário gerenciar o uso da rede no ambiente de trabalho, para evitar o desperdício de tempo e melhorar o foco e produtividade dos colaboradores.

Se você está passando por situações de baixa produtividade na equipe, falta de foco dos colaboradores e queda de resultados, entenda porque monitorar e controlar o acesso à internet em sites fora do escopo de trabalho, na maioria das vezes é uma das melhores opções.

Mais responsabilidade no uso da internet

Tudo seria mais fácil se todos os colaboradores soubessem fazer um uso adequado da internet, utilizando o equilíbrio entre as horas de trabalho e descanso dentro da empresa, mas não é o que acontece. Por isso, quando é criada uma restrição no acesso à alguns sites ou controle por horários, existe uma obrigação para que a equipe cumpra o que foi estipulado pelo gestor. Dessa forma, conforme o tempo vai passando, a responsabilidade no acesso à internet começa a se instalar em cada colaborador.

Muitas vezes os colaboradores acabam até sentindo-se satisfeitos após a restrição de alguns sites, pois percebem como é possível produzir muito mais quando se está longe de distrações e com isso, entendem melhor a sua posição e importância dentro da empresa.

Foco e produtividade tornam-se prioridade

Normalmente os colaboradores deixam seus e-mails pessoais, perfil no Facebook, Twitter, sites de esporte e notícias abertos em seus computadores e dispositivos móveis, o que prejudica muito o foco e gera distrações constantes durante a realização das atividades.

Com a limitação e o monitoramento no uso da internet, é possível evitar essas interrupções no trabalho e garantir que o colaborador mantenha-se focado nas atividades relacionadas à empresa. Porém, isso não quer dizer que o colaborador não possa ter um momento de descanso durante o seu expediente de trabalho, para que isso aconteça a política de acesso à internet deve ser definida de uma forma equilibrada, com ganhos para a empresa e a equipe.

Melhoria no desempenho da internet

A internet da sua empresa pode não ser das melhores, mas às vezes a lentidão é consequência da má utilização da internet. Imagine que seus colaboradores assistem vídeos, ouvem rádio, transferem arquivos pesados e acessam as redes sociais, não tem velocidade que sustente! Com certeza esses acessos sem relação com as atividades da empresa consomem grande parte do tráfego da sua rede e com isso outras tarefas mais importantes acabam sendo prejudicadas. No entanto, com o bloqueio de alguns sites, toda conexão de internet fica disponível para as atividades da empresa.

Como eu posso fazer a restrição de acesso à internet na minha empresa?

Hoje existem diversas ferramentas disponíveis, que possibilitam que você faça uma melhor gestão da internet na sua empresa, em busca de uma equipe mais produtiva e resultados eficientes. Com um controle de acesso à internet você tem autonomia para definir como vai realizar a restrição de acesso, sendo importante muitas vezes, levar em consideração particularidades de cada colaborador e funções dentro da empresa.

Com um serviço de monitoramento como o Lumiun você pode monitorar a rede da sua empresa, ter acesso a relatórios detalhados dos sites acessados, por horário, por usuários ou por equipamentos. Essas informações são importantes para verificar o comprometimento e responsabilidade dos colaboradores e servir como justificativa para possíveis penalidades impostas.

O Lumiun também possibilita fazer o bloqueio de sites por categorias, assim de uma forma prática e intuitiva você consegue realizar uma análise do que acredita ser importante bloquear ou limitar na internet de seus colaboradores. Soluções que têm como objetivo monitorar o acesso à internet estão sendo primordiais para os gestores das empresas atualmente, que estão prezando cada dia mais pela produtividade entre a sua equipe, principalmente pela competitividade que está inserida no mercado de trabalho.

Se você ainda está em dúvida sobre adotar uma medida para gestão de acesso à internet na sua empresa, pode calcular o desperdício que a sua empresa tem hoje, em função da má utilização da internet. No entanto, se você percebeu que adquirir um serviço como o Lumiun será de grande valia para a sua empresa, fale com um dos nossos consultores e veja como aumentar a produtividade pode ser simples e prático!

7 dicas para melhorar a gestão do tempo na sua empresa

Fica claro nos dias de hoje que o tempo é um dos ativos mais importantes e valiosos que uma pessoa possui. Por isso, se ela não conseguir gerenciá-lo da melhor forma possível, terá grandes problemas. Gerir o tempo é saber usar ele para realizar as atividades prioritárias, em qualquer âmbito.

Quem administra o tempo aumenta a sua produtividade. Ser produtivo é fazer aquilo que é considerado importante e prioritário com a menor quantidade de recursos, sendo um deles, o tempo. Atualmente percebe-se um grande problema de gerenciamento de tempo nas empresas, por ser um ambiente com colaboradores de perfis diferentes, que precisam desempenhar várias funções e atividades.

Uma boa gestão do tempo e produtividade é necessária para todos os empreendedores que possuem uma grande carga de trabalho e precisam resolver problemas com inteligência. Gerir as tarefas de maneira eficaz fará com que você conquiste qualidade de vida! Podendo conciliar melhor a rotina de trabalho com o tempo livre.

Se você está com dificuldades para conseguir gerenciar de forma correta e eficaz o tempo da sua equipe dentro da empresa, segue abaixo uma lista com 7 dicas para melhorar a gestão do tempo, que podem lhe auxiliar ativamente para essas mudanças, em busca da produtividade e organização.

Crie uma lista de tarefas diárias

A melhor maneira de combater os vilões da rotina da sua equipe é criar uma lista com as tarefas que precisam ser desempenhadas. Liste absolutamente tudo o que cada funcionário precisa fazer no seu dia (inclusive o tempo para responder e-mails e usar as redes sociais, quando necessário). A ideia aqui é hierarquizar as tarefas e fazer com que sejam administradas de maneira estratégica.

Uma coisa de cada vez

O maior segredo de quem tem uma boa gestão do tempo e produtividade é não tocar na mesma tarefa duas vezes. Por isso, ao orientar sobre uma nova tarefa, é preciso que a sua equipe mergulhe nela de maneira profunda até terminar, ao contrário o trabalho será redobrado. Uma boa dica é direcionar os seus funcionários para que façam o certo da primeira vez e com isso você provavelmente não terá problemas futuros.

Fazer mais em menos tempo

Seus colaboradores irão fazer mais em menos tempo quando souberem quanto tempo existe em suas mãos. Por isso, verifique qual é o prazo que cada um possui para desempenhar o seu trabalho, estando atento para aqueles que estão fazendo o seu melhor e os que estão simplesmente cumprindo metas.
O foco é muito importante, por isso os seus funcionários precisam ter uma ideia clara daquilo em que estão trabalhando, antes de começar. Saber no que trabalhar, quando e quanto tempo existe para terminar o trabalho, aumenta muito a produtividade. Esse foco sobre o trabalho garante que se obtenha mais qualidade e resultados para a empresa.

Mantenha um Plano Produtivo

Você já percebeu a oscilação do ânimo e motivação da sua equipe durante o dia? Algumas pessoas trabalham melhor a tarde; outras estão com as energias a mil logo pela manhã, por exemplo. Tente definir qual é o melhor horário (ou período) mais produtivo do dia para sua equipe. Com isso é possível colocar as “prioridades” que cada um precisa desempenhar para esse horário. Assim, as tarefas mais simples podem ser resolvidas com mais tranquilidade e menos estresse.

Saiba que metas são importantes

Você e sua equipe também precisam de metas claras. Não se pode tocar um projeto ou atividade, sem saber como serão realizadas. É preciso estabelecer um tempo limite para a realização das atividades, de preferência alguns dias antes do prazo final de entrega. Desta forma, você ganha uma margem de manobra para lidar com os imprevistos que podem aparecer durante a execução das tarefas.

Lute contra a procrastinação

Enfrentar as coisas de frente! Adiar serviços levando em conta o prazo pode ser um dos maiores erros que os seus colaboradores podem cometer. Se um funcionário tem um prazo de seis horas, mas você sabe que ele pode terminar em quatro, é preciso cobrar dele. Faça com que utilize esse “tempo a mais” para revisões, testes (quando possível) ou até para tentar chegar à uma solução melhor. Além disso, explique que com isso a pressão para o resto do dia irá diminuir e seu rendimento com certeza aumentar.

Identifique os ladrões de tempo

E-mail, mensagens instantâneas, redes sociais, jogos, sites nocivos e muito mais. Tudo isso pode estar roubando horas preciosas da sua equipe. Para se livrar desses verdadeiros ladrões de tempo você precisa primeiro identificá-los. Observe a rotina da sua empresa e tente analisar: quanto tempo sua equipe perde com essas atividades? Muitas vezes nós não percebemos o quanto elas atrapalham e diminuem a produtividade, pois são misturadas com as tarefas, mas fazem com que seus colaboradores percam totalmente o foco naquilo estavam desempenhando.

É importante entender que a internet quando utilizada de forma correta, é uma aliada no ambiente corporativo. Porém, quando existe um abuso de utilização, que acaba atrapalhando o rendimento do funcionário e comprometendo os resultados da empresa, é preciso que medidas mais diretas sejam tomadas.

Uma das soluções nesse caso é a implantação de um controle de acesso à internet, que possibilita à você um maior domínio sobre o que seus colaboradores estão acessando. Com base nisso você pode fazer um controle de horários e também conteúdos que podem ou não ser acessados dentro da sua empresa. Assim você fica no controle, garante resultados positivos e produtividade nas alturas!

 

E você, como costuma fazer o gerenciamento de tempo da sua equipe? Compartilhe sua experiência conosco!

Qual o custo do mau uso da internet para as empresas?

Atualmente a internet é fundamental e faz parte dos negócios e atividades de grande maioria das empresas. Nesse contexto, boa parte dos colaboradores desempenham suas atividades diárias em computadores e conectados à internet, isso pode tornar as equipes produtivas mas ao mesmo tempo pode levar ao desperdício de tempo e de recursos, devido a grande quantidade de atrativos que a internet oferece, como redes sociais, sites de entretenimento, jogos, e-mail pessoal, comunicadores instantâneos e tantos outros.

Pesquisas mostram que os profissionais gastam em média 30% do tempo em atividades não relacionadas ao trabalho, ficando até 2 horas diárias conectados na internet realizando atividades pessoais. Esse cenário evidencia a necessidade de estabelecer políticas de uso da internet e implementar controles e regras de navegação, para garantir o foco no trabalho e evitar distrações e desperdício de tempo dos colaboradores.

Em empresas onde não há políticas e controle de navegação, o custo com o mau uso da rede pode ser elevado. Pois esse mau uso pode levar ao desperdício de tempo dos colaboradores, execução de tarefas sem foco e com baixa qualidade, problemas de segurança como perda de dados e instalação de vírus nos computadores, equipamentos ociosos e manutenção constante, internet lenta e baixo desempenho de equipamentos, entre outros. Vejamos de forma mais detalhada os custos com o desperdício de tempo:

Desperdício de tempo e distração dos colaboradores

Sabemos que é comum os profissionais acessarem as redes sociais e o e-mail pessoal no trabalho, inclusive essas atividades podem ser saudáveis se realizadas com bom senso e responsabilidade, mas infelizmente isso não ocorre na maioria dos casos.

Em empresas sem restrições quanto ao uso da internet, é possível que seus colaboradores fiquem horas na internet em atividades sem relação com o trabalho. Outro fator que contribui com esse desperdício é o uso do celular em ligações e conversas, além disso as distrações também podem ocorrer por conversar com colegas, lanches e tantas outras situações, inclusive distrações naturais para descanso e relaxamento.

Pode ser complexo mensurar o custo real do desperdício de tempo dos colaboradores, mas é importante estimar isso em custos para se ter noção do impacto financeiro que esse desperdício causa para a empresa. Para exemplificar, vamos considerar um empresa com 20 colaboradores, onde o desperdício de tempo na internet seja de 15% do tempo de trabalho, ou seja, 72 minutos por dia:

  • Número de colaboradores: 20
  • Horas trabalhadas por dia: 8
  • Custo médio mensal por colaborador: R$ 2.000,00
  • Dias trabalhados ao mês: 20
  • Custo total com colaboradores: R$ 40.000,00
  • Custo médio da hora de um colaborador: R$ 12,50
  • Desperdício diário por colaborador: R$ 15,00
  • Desperdício mensal por colaborador: R$ 300,00
  • Total de horas de trabalho desperdiçadas: 480
  • Desperdício mensal por mau uso da internet: R$ 6.000,00

O resultado desse cálculo costuma surpreender os gestores, mas o cálculo mostra que no cenário que utilizamos, o desperdício de tempo representa um custo mensal de R$ 6.000,00. Contudo, ainda podemos considerar a taxa de 15% conservadora, considerando dados de pesquisas que mostram que essa taxa pode chegar a 30% em média nas empresas. Além disso, na análise estamos considerando somente o volume de horas improdutivas, sem levar em conta a possibilidade de tarefas entregues com pouca qualidade pela equipe, o que pode comprometer a relação com clientes e o mercado.

Para fazer o cálculo de quanto pode custar o mau uso da internet na sua empresa, utilize essa ferramenta de cálculo de desperdício de tempo nas empresas.

Outros fatores que também devem ser analisados como oriundos do uso indevido da internet, são os problemas de segurança, como instalação de vírus em equipamentos, que geram custos de manutenção e levam a ociosidade de recursos.

Com base nessa análise de custos, é possível concluir que o mau uso da internet pode ser extremamente prejudicial para as empresa e que é fundamental os gestores implementarem políticas de utilização da rede e recursos de tecnologia. Principalmente considerando que no cenário competitivo atual, a eficiência na gestão das equipes pode se tornar um diferencial em relação ao mercado e concorrentes.

Para implementar uma política de controle de navegação, o primeiro passo é orientar os colaboradores, através de um manual de ética e bom uso da internet. Também é importante utilizar serviços que permitam bloquear o acesso a sites indesejados, veja nesse artigo o que deve ser considerado na definição de regras de acesso a internet na sua empresa. Essas regras de acesso devem ser elaboradas de acordo com o perfil de atividade dos colaboradores e da empresa, onde o recomendado é utilizar bom senso, podendo haver horários onde o acesso às redes sociais e e-mail pessoal, por exemplo, seja liberado e restrito em outros horários.

Compartilhe conosco suas experiências quanto ao mau uso da rede na sua empresa, quais as políticas usadas nas empresa onde trabalhou e quais os resultados obtidos.