o que é segurança na internet

O que é segurança na internet e por que é importante?

Todos os dias empresas produzem informações, independente do seu porte. Tais informações agregam valor e aumentam a produtividade e competitividade no mercado. Quando em uso conectado à internet, estes dados precisam ser protegidos e por este motivo existem tantos sistemas e ferramentas de segurança na internet.

Diante deste cenário, preparamos informações importantes sobre a segurança na internet para profissionais e empresas, buscando ajudar na percepção da importância do tema.

O que é segurança na internet?

Segurança na internet pode ser entendida como todos os cuidados que usuários devem ter para proteger todas as propriedades que fazem parte da internet, como infraestrutura, dispositivos e informações.

Métodos, procedimentos, normas e leis, como a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) por exemplo, buscam identificar e eliminar as vulnerabilidades das informações de usuários e dispositivos conectados à internet.

A segurança na internet tem como prioridade, fazer com que as informações importantes não fiquem em posse de mais ninguém além do legítimo proprietário.

Para manter-se seguro na internet existem diversas soluções, como softwares, hardwares, serviços e também, treinamento constante de usuários, afinal, novos ataques cibernéticos surgem todo ano, com diferentes meios e estratégias inovadoras.

Por que a segurança na internet é importante?

Criminosos na internet tentam de diversas formas tornar um usuário desprotegido ou despreparado em uma vítima de ataque cibernético.

Vírus no sistema, e-mails falsos e até sites muito bem construídos, com aparência idêntica ao verdadeiro são algumas das formas de conseguir um atacar usuários de internet.

Já sobre objetivos, existem diversos. Entre os mais comuns estão:

  • Atacar sistemas ou equipamentos
  • Roubar informações sigilosas, sensíveis ou valiosas (ou todas)
  • Roubar a identidade de usuários ou empresas
  • Roubar dinheiro
  • Corromper dados importantes
  • Vender dados pessoais roubados

Com o grande número de pessoas conectadas, utilizando e transferindo informações pessoais diariamente, a internet é como um campo cheio de cordeiros para que o lobo possa escolher qual atacar. Por isso que hoje, a segurança na internet é um tema tão importante, principalmente para profissionais e empresas, que, são um dos alvos mais comuns, como você verá a seguir.

Quem são os principais alvos de um ataque cibernético?

o que é segurança na internet

Não seria exagero dizer que todos os usuários conectados à internet estão propensos a sofrer um ataque cibernético. Porém, existe sim um público “preferido” pelos criminosos, que são normalmente mais frágeis ou então, mais “rentáveis”, ou seja, que podem gerar um ganho, normalmente de dinheiro, muito maior que os demais.

Entre os mais atacados, estão:

  • Empresas de diversos ramos
  • Instituições bancárias
  • Instituições governamentais
  • Figuras públicas e famosos

No texto Previsões sobre cibersegurança para a América Latina em 2021 publicado no blog da Kaspersky, os números de crimes na internet previstos para 2021 são alarmantes. Segundo a empresa especializada em segurança na internet, o aumento e diversificação de ataques aos sistemas financeiros em 2021 será maior que neste ano.

Além disso, golpes para Android (sistema operacional mobile mais utilizado no mundo) serão amadurecidos e poderão aumentar os lucros e diminuir os esforços dos criminosos.

Nas próximas linhas você verá o por que se preocupar com a segurança na internet em dispositivos móveis.

Celulares também são alvos de crimes na internet

o que é segurança na internet

Nos anos 90 existiam computadores com uma fração do desempenho da maior parte dos smartphones hoje. Junto com tanta tecnologia e diferentes modos de utilização da conexão à internet, surgiram os ataques cibernéticos à dispositivos móveis.

Um estudo chamado SMARTPHONES – 2020/2021 divulgado pela Cuponation revelou que a taxa de smartphones no mundo deve aumentar, ainda mais se levarmos em consideração as projeções de compras feitas até dezembro do próximo ano, chegando à marca de 50% de novos dispositivos sendo adquiridos.

De acordo com um levantamento que tomou como base dados compilados entre 2016 e 2020, até o final de 2021 haverá cerca de 3,5 bilhões de pessoas no mundo com um dispositivo móvel. Somente no Brasil, o crescimento no período foi de mais de 60% segundo a pesquisa mostrada no gráfico abaixo:

Fonte: Cuponation

Outro dado interessante são os ataques à aplicativos financeiros em dispositivos móveis. Segundo a notícia do portal TI Inside, o Brasil foi um dos principais alvos de ataques cibernéticos em apps financeiros no primeiro semestre deste ano.

Ataques em lançamentos de novos aplicativos e atualizações de sistemas operacionais são noticiadas anualmente, reforçando que usuários desprotegidos e despreparados podem ser alvos fáceis, comparados à grandes empresas com setores especializados em desenvolver formas de proteção na internet.

Portanto, cuidados com a segurança na internet em dispositivos mobile é de extrema importância e também, uma preocupação muito grande das companhias que desenvolvem softwares e sistemas para estes dispositivos.

Ainda não acabou!

Como vimos, podemos sofrer um ataque cibernético de diferentes formas, motivos e dispositivos. É fato também que a maioria das falhas de segurança na internet estão relacionadas com processos, pessoas e comportamentos. Portanto é fundamental que usuários tenham conhecimento sobre o tema e invistam no aprendizado e mantenham funcionando sistemas voltados à segurança na internet.

Continue a leitura sobre o tema no Guia de Segurança na Internet para Empresas e veja quais são os ataques cibernéticos mais comuns e algumas características sobre eles.

Até mais!

1 comentário

Comentários fechados

Posts Relacionados