Entenda o que é e como o DNS facilita o uso da Internet

O DNS, do inglês Domain Name System (Sistema de Nomes de Domínios), é um serviço hierárquico e distribuído para computadores, serviços ou qualquer recurso conectado à Internet que funciona como um sistema de tradução de nomes de domínios (hosts) para endereços IP. É através do DNS que podemos digitar apenas um nome como www.lumiun.com na barra de endereços do navegador para acessar o site do Lumiun,  não sendo necessário informar um número IP (200.154.39.214), que é uma combinação numérica de difícil memorização.

Como o DNS funciona?

É possível acessar qualquer site na Internet pelo seu nome de domínio (lumiun.com) ou pelo endereço IP (200.154.39.214) do servidor onde esse site está hospedado. Para que não seja necessário informar a combinação de números IP na barra de endereços do navegador sempre que você informa o endereço de um site que queira acessar, o DNS faz o trabalho de traduzir o nome do domínio que compõem a URL do site para o endereço IP do servidor do respectivo site, direcionando o acesso a esse servidor. Imagine sua lista de contatos no seu telefone, para ligar para um contato, basta selecionar o nome do contato, a partir disso o telefone traduz esse nome para respectivo número de telefone e faz a ligação, o DNS funciona de forma semelhante.

Cada servidor na Internet possui um endereço IP único, portanto, cada domínio é direcionado para um IP específico. Por isso, não é possível existir dois sites diferentes com endereços (URLs) iguais.

Existem 13 servidores DNS raiz em todo o mundo e sem eles a Internet não funcionaria. Destes, dez estão localizados nos Estados Unidos, um na Ásia e dois na Europa. Para ampliar a base instalada destes servidores e tornar o serviço mair rápido, existem réplicas localizadas por todo o mundo, inclusive no Brasil.

Quem gerencia o DNS?

Para que o sistema de endereços IP e DNS funcione corretamente, é necessário uma coordenação global. Pois é necessário garantir que não seja possível atribuir endereços IP de maneira descentralizada e também que cada endereço IP identifique um único servidor/equipamento em todo o mundo.

A organização responsável por gerenciar nomes de domínios e endereços IP em todo mundo é o ICANN (acrônimo em inglês para Corporação da Internet para Atribuição de Nomes e Números). É responsabilidade dessa entidade manter todos os sites registrados e funcionando na internet.

hierarquia dnsOs nomes de domínios são gerenciados de forma hierárquica e distribuída, e a autoridade sobre os domínios é delegada de acordo com a estrutura hierárquica, geralmente usado ou reservado para um país. A imagem ao lado exemplifica essa estrutura de nomes, onde o “.br” é o domínio de topo de código de país que pertence e identifica o Brasil.

No Brasil, os endereços de internet são gerenciados pelo NICBR – Núcleo de Informação e Coordenação do PONTO BR. Serviços e informações sobre domínios, consulta de endereços e registros podem ser realizadas no Registro.BR. O Brasil encerrou o ano de 2014 com 3.513.227 domínios registrados. Estatísticas atualizadas estão disponíveis em www.registro.br/estatisticas.html.

Como utilizar o DNS?

Todo equipamento conectado em rede e na Internet necessita de um servidor DNS para se comunicar na rede e acessar a Internet. A definição do servidor DNS faz parte das configurações básicas da rede e do computador, geralmente são utilizados serviços de DNS conhecidos, como o DNS do Google (8.8.8.8) ou DNS dos próprios provedores de Internet.

O Lumiun é um serviço que utiliza o sistema de DNS para oferecer segurança e controle de acesso a Internet, veja como funciona e os benefícios e vantagens de controlar o acesso a Internet em ambientes corporativos.